A pele negra tende a sofrer menos os efeitos do fotoenvelhecimento, além de apresentar a pele mais firme, com maior resistência aos efeitos do tempo, como linhas de expressão e rugas. Maravilhoso né?!

Mas não é porque apresenta mais melanina e mais colágeno que podemos largar de mão e não ter cuidados com a pele!

Apesar de toda vantagem que sabemos sobre a pele negra, não podemos esquecer que ainda assim, necessita de cuidados especiais, visto que tem maior tendência a oleosidade, desenvolvimento de acne – pois suas glândulas sebáceas produzem maior quantidade de sebo – e maior risco de aparecimento de manchas – por ter maior produção de melanina na pele negra, há um aumento do risco de aparecimento de manchas quando exposto a agressões ( depilação com cera ou lâmina de barbear, queimaduras e machucados).
Existe também uma propensão ao ressecamento da pele do corpo, com surgimento de manchas esbranquiçadas. Portanto, a hidratação diária é fundamental!

A pele reflete saúde e tem relação importantíssima com o estilo de vida de cada paciente.
Então separei algumas dicas para manter sempre o brilho e o viço em dia!

Hidratantes com ureia, glicerina e manteiga de Karine são ótimos aliados para hidratação da pele.

Máscaras de argila, principalmente a verde, controla bem a oleosidade e auxilia de forma muito positiva a pele do rosto.

Higienização do rosto, com sabonete líquido pela manhã e à noite deve ser tão natural quanto escovar os dentes!

Evitar banhos longos e quentes, para prevenção do ressecamento.

Uso de filtro solar de boa qualidade, para não sofrer os efeitos do envelhecimento, mesmo com a maior resistência ao sol.

Depilação a laser definitiva para evitar foliculite e agressão a pele com lâminas de barbear

Harmonização facial do rosto para valorização dos pontos de luz e sustentação, com toxina botulínica e ácido hialurônico, além do uso bioestimuladores de colágeno, no consultório médico, é umas das minhas dicas favorita!

Os tratamentos são indicados de acordo com a queixa e quadro clínico de cada paciente, que deve ser avaliada por um dermatologista experiente.

Para mais informações agende sua consulta!
Até a próxima dica!

Dra Bruna Vallcorba