Nutrição funcional na Gestação

A gestação é um período muito especial na vida da mulher e deve ser acompanhado com atenção. 😊 Durante a gestação a mulher passa por diversas alterações físicas, hormonais e psíquicas, que interferem na sua saúde. O aumento da sensibilidade do olfato e as alterações hormonais podem contribuir para o aparecimento do enjoo e prejudicar a ingestão de uma dieta adequada. Por isso, futuras mamães, anotem as dicas sobre os alimentos que vocês devem incluir na dieta durante esse período:

➡ Dieta balanceada: a dieta da gestante deve ser balanceada, não é porque você esta grávida que deve comer exageradamente. O ideal é uma dieta que inclua carboidratos, de preferência integrais, proteínas magras, vindas da carne, frango, peixe, castanhas e sementes; legumes e verduras;

➡ Água: o consumo de água é muito importante nessa fase, pois é essencial para a produção do leite e hidrata a pele ajudando na prevenção de estrias;

➡ Ácido Fólico: é uma vitamina que na gestação é muito importante para a formação do tubo neural do feto, evitando má formação. Além da suplementação o ácido fólico é encontrado naturalmente em alimentos como: brócolis, repolho, espinafre;

➡ Ômega 3: é importante para o correto desenvolvimento do cérebro do bebe. Uma ótima opção é o óleo de peixe;

➡ Ferro: Reduz o nascimento de bebês prematuros e com baixo peso, reduz o risco de morte materna no parto, melhora a resistência às infecções e melhora a capacidade de aprendizagem da criança. Fontes: carne, frango, peixe, ovo, feijão, vegetais verde escuro (associados à vitamina C para melhor absorção);

➡ Cálcio: garante a formação da estrutura óssea e dentária do feto. Não existe só no leite, olha só: Fontes: gergelim, semente de girassol, salmão e folhas verdes escuras;

➡ Magnésio – importante para mais de 300 reações bioquímicas e necessário para que todas as outras vitaminas sejam absorvidas.

⚠ Mães que comem melhor desde o início da gestação, “passam” esse sabor para o filho da mesma maneira que mães que comem muito açúcar, muita gordura e muita comida processada, passam esse sabor para o filho. Por isso futuras mamães escolham bem os alimentos para garantir um futuro saudável dos seus pequenos!

Até o próximo post.
Dr. André Vinícius

Compartilhe essa postagem