Filtro Solar

Além de exercer função importante na prevenção do envelhecimento da pele causado pela luz do sol, o filtro solar também exerce prevenção de patologias relacionadas ao sol, como o câncer de pele.
Uma nova geração de filtros solares tem sido lançada, a fim de proteger, combater oleosidade, uniformizar o tom da pele e até clarear manchas. Os filtros com cor não têm finalidade apenas estética, mas também é um fator de proteção a mais (proteção física, através de formação de barreira pela coloração do creme, e proteção química, caso do FPS).
Muitos dermatologistas dão preferência aos filtros com FPS mais altos, já que o FPS que aplicamos cai pela metade depois de 2 horas expostas ao sol.
A dificuldade de uma aplicação correta e disciplinada promoveu grande interesse em estudos para avanços na tecnologia dos filtro solares.
Além dos filtros tópicos, com alto poder de proteção, os filtros solares orais também se tornaram novidades!

Existem substâncias de uso oral que ajudam na manutenção da beleza da pele, uma vez que possuem poderes antioxidantes, conhecidos como nutracêuticos
O Polypodium Leucotomos é uma substância com poder antioxidante, capaz de neutralizar radicais livres produzidos pela exposição solar e portanto, conhecida como filtro solar oral.
Todavia, importante é informar que o uso do filtro solar oral não exclui a necessidade do uso do filtro solar clássico, exercendo papel adjuvante na fotoproteção, e auxiliando no tratamento de algumas doenças de pele, como o melasma.

Dra. Brunna Borges

Compartilhe essa postagem