Anticoncepcionais e depressão

Se você não via nenhuma relação entre os anticoncepcionais e a depressão, é preciso estar mais atenta! Um estudo da Universidade de Copenhague concluiu que mulheres que tomam anticoncepcionais com hormônios têm duas vezes mais chances de desenvolver depressão. 

 Esse estudo foi feito com mulheres, entre 15 e 34 anos, que não tinham diagnóstico prévio de depressão e foram acompanhadas durante 14 anos. O resultado é que as mulheres que tomavam contraceptivos hormonais tinham chances bem maiores de, posteriormente, tomar antidepressivos, sendo diagnosticadas como portadoras de depressão ou de transtornos de ansiedade.
 Mulheres que tomam a pílula combinada tradicional têm 23% de chances de ter depressão, mas os piores aumentos ainda estão em outros métodos como:
 Adesivo (risco 100% maior),
 Anel vaginal (60%),
 DIU com levonorgestrel (40%),
 Mini-pílula só de progesterona (34%),
 Pílula combinada (23%).

 Infelizmente, os riscos à saúde mental ainda estão sendo subestimados por muitos médicos na hora de receitar.

Óbvio que ainda faltam estudos mais específicos que possam elucidar mais claramente essa relação, mas isso já é um alerta que precisamos cuidar melhor da saúde da mulher como um todo! Porque os contraceptivos são vendidos livremente em prateleiras de farmácias , o que causa uma falsa idéia de que são inofensivos!  Precisamos ficar mais alerta! Procure o seu ginecologista e se informe mais sobre o tema.

Até a próxima!
Dr. André Vinícius

Compartilhe essa postagem